Após 12 dias Museu Nacional ainda aguarda ajuda

Depois de 90% de um acervo que compunha cerca de 20 milhões de peças ter virado cinzas no dia 02/09/2018, o Museu Nacional uns dos 5 maiores do Mundo aguarda ainda a ajuda divulgado pelo Ministro da Educação e Cultura  no valor de 10 milhões de Reais recurso emergencial  para reforçar a estrutura do palácio incendiado, de modo que a Polícia Federal complemente a investigação e os pesquisadores possam finalmente começar a procura por itens.

Nesta quinta-feira começaram a chegar especialista enviados pela Unesco para ajudar nas tentativas para recuperação de algumas peças que tenham sobrevivido ao incêndio do dia 02/09, segundo informações de especialistas antes que se reforce a estrutura e proteja devidamente os restos para que os processo de recuperação comece e que haja uma investigação da Policia Federal, não a nada que se possa fazer.

Após toda comoção e repúdio pela destruição do acervo agora o trafego de pessoas está limitado apenas uns policiais e funcionários do Museu e da UFRJ, as pessoas que tentaram fazer manifestações deram lugar a uns poucos pesquisadores do museu que tentam aos poucos retomar  seus projetos científicos, em meio a beleza do jardim Botânico.

Países com Alemanha ( que já disponibilizou 1 milhão de Euros ), França que enviou equipes para ajudar na recuperação, o Brasil é o país que menos fez para a recuperação do prédio mostrando um clara postura de descaso com a história, algo tão presente na cultura dos novos cidadãos Brasileiros.

Fonte: brasil.elpais.com

fonte imagem: O meteorito de Bendegó, em meio aos escombros do Museu Nacional. LEO CORREA AP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *